+3

Criando aplicações eficientes na Web 2.0

criado por Renato Sousa em 15/04/2007 8:52pm
A nova onda da Web traz consigo um novo paradigma de criação de aplicativos web, extremamente simples e focados, com um cerne principal, quase um slogan: "O usuário final é o único que importa". E o usuário final quer propostas claras e focadas, sistemas simples e altamente funcionais. E vem dando certo.

Para entender tudo isso, concentrando nosso no estudo usuário final, não é de se supreender tal evolução. Até bem pouco tempo atrás as aplicações focavam-se predominantemente em atrair usuários oferecendo a maior gama de serviços possíveis. Todos se lembram da época em que todos os grandes sites aos poucos vinham se tornando portais multifuncionais. Tínhamos portais de todos os setores oferecendo notícias, emails gratuitos, centros de entretenimento, discussão, compra e venda. Essa prática foi e ainda é amplamente utilizada, também porque sempre esteve ligada à associação desse tipo de serviço com a grandeza da organização, mas que, aos olhos do usuário final, gerava uma grande incômodo: quem oferece tudo, não oferece nada.

Nasceram estão pequenos projetos, de equipe enxutas desenvolvendo aplicações com filosofica contrária, com uma proposta bem definida. O contato com os usuários nesses sites era constante, o aprendizado também. A regra era oferecer um serviço específico com qualidade. E então percebeu-se o óbvio: aplicações focadas são melhores no que fazem do que qualquer serviço de um portal. Mais uma vez: quem oferece tudo, não oferece nada.

Já está passando o tempo em que as aplicações deveriam ser generalistas e aportar o maior número de funcionalidades para atrair mais usuários. Isso é um reflexo do fato dos usuários terem percebido que grandes portais não necessariamente prestam o melhor serviço em tudo que se propõem. Pelo contrário, usuários confundem-se para decifrar o real serviço prestado pela aplicação e a reconhecerá apenas por um deles. Portais que fazem de tudo perdem a força, serviços simples e com uma única proposta ganham adeptos. Um reflexo direto disso é a ascenção dos blogs em uma época em que o padrão era erguer um mega portal de informações.

Predominantemente a Web 2.0 é formada por aplicações extremamente simples. Writely.com, Basecamphq.com, Google.com , Gmail.com, Youtube.com, Orkut.com ou Syxt.com.br . Todos com conceitos bem claros. Ninguém quer oferecer tudo. E nem deveria.

Menos é mais

A moda agora é colocar menos funcionalidades. "Menos é mais", dizem por aí. A explicação é simples. Quando se colocam muitas funcionalidades temos duas consequências negativas: dificuldade do usuário perceber a real proposta do site e dificuldade do desenvolvedor de manter o foco do serviço, a qualidade cai. Resultado: antinge-se não mais, mas menos público.

Apresentação é tudo

O usuário final deve conseguir perceber a proposta do site rapidamente. Esse é o primeiro passo. Sem isso, uma boa idéia passa desapercebida. Não entender a proposta é tão ruim quanto não gostar ou não precisar dela. Não preste atenção nos detalhes de sua aplicação, mas na proposta.

Design é importante

O design é parte impressindível na composição da aplicação. Deve ter altíssima usabilidade e, principalmente, deve ser desenhado antes da programação. O que importa é o que o usuário final vai ver.

Comentários:

Mostrando 1 - 6 de 6 comentários
gostei do artigo...parabéns...
12/06/2007 10:59pm (~9 anos atrás)

Acho que o problema é que muitos programadores ficam "bitolados" na parte técnica e acabam se esquecendo de pensar da forma mais simples:

"Se eu fosse um usuário comum, o que eu acharia disso?"

Dica: Entre em uma lanhouse, finja que está fazendo qualquer coisa e fique ali, só observando o que um usuário comum faz, como ele preenche um formulário, como procura as coisas no site, enfim, como ele reage e interage ao abrir cada página. Você vai perceber que a maioria dos usuários não são como nós, que fazemos a web, eles tem dificuldades com coisas que parecem ser extremamente bobas....

Conclusão: Antes de tentar fazer um "site web 2.0", tente compreender o usuário, se for usar ajax pense: "se eu usar ajax nisso, vou realmente ajudar o usuário final ou só estou querendo enfeitar o pavão e satisfazer o meu ego como programador?"

Está difícil colocar na cabeça desse pessoal o que é a web 2.0!! O artigo do Renato está de parabéns! "O usuário final é o único que importa". 

Enfim, é a minha opinião....
12/06/2007 10:58pm (~9 anos atrás)

Realmente a web 2.0veio para ficar, contudo, na minha opnião, o pessoal se preocupa d+ com ajax (ai, meu site tem ajax e o teu não tem...) mas o principal não tem a devida atenção: a interface.
Vejo portais com códigos magnifícos, mas do código é aproveitado 30% e olhe lá...as interfaces são terríveis e nada agradável... O Gmail é simples, objetivo e intuitivo...algo que o pessoal ainda não assimilou.
01/05/2007 9:38am (~9 anos atrás)

hhehhehhahaha ta certo tou taum cansado estes meses que acertar o proprionome é milagre

um apelo para o pessoal se candidatem a moderadores galera do portal por favor vamos iniciar uma campanha ai em massa
22/04/2007 10:08am (~9 anos atrás)

Caro amigo André Luis, boa sorte na sua revolução com seu "geito". Existem bons programadores no brasil que não só traduzem tutoriais por aí e temos diversos serviços bons feitos por gente daqui :)
Creio que seja meio adiantado pensar em web 4.0, pois, como você mesmo disse, muita gente nem se acostumou com a web 2.0.

Sobre o abandono do PHPBrasil, é triste :(

E, se quer que sigam suas idéias, demonstre-as com clareza, de preferência com uma boa escrita...
19/04/2007 6:18am (~9 anos atrás)

Cara o artigo é bom so espero que possamos laçar algo mais novo que a web2.0 estamos atrazado aqui no brasil por ex: espaço em servidor de 100 mb de espaço com 1 gb de banda o valor pago aqui da para pagar no eua um servidor de 300 gb de espaço em disco e 1,5 tera de banda quando poderemos sair da "era dos macacos digitais assimiladores" para "alimentadores de macacos digitais assimiladores" aff web 2.0 x convencional o pessoal ainda ta em dificuldade de colocar em pratica por falta de conhecimento, vejo galera tentando enfiar ajax em tudo em vez de solução acaba virando uma enorme dor de cabeça. temos q mudar isto e falo so estudando mesmo para q possamos fazer dos outros la fora assimiladores de tecnologia nossa deve se ter mais divulgação de conteudo mas conteudo pratico rico em conteudo teorico pois q q adianda fazer na pratica se nem sabe o principio do seu funcionamento ?

po to a 1 ano trabalhando em cima de videos tutorias com novas tendências em programação em php técnicas novas excluindo a OO ja q a mesma so gera programadores cheio de preguiça hhehe opinião pessoal nada mais e neste 1 ano posso te dizer assimilei muinto conteudo la de fora pra poder ter uma base de como inicar uma revolução por mim mesmo em meu geito de fazer e ensinar jeito de poder criar de verdade naum ver artigos traduzidos com creditos mudado como se ve ai a vida naum é um bbb galera vamos acordar enquanto o mundo ta penssando em web2.0 vamos inovar ja laçamos de cara a web 4.0 e mostramos q somos melhores q eles podendo pular a 3 geração :). a outra coisa realmenet fico tesaum o artigo pena q a moderação e a liberação de conteudo do portal esta um porcaria ta cheio de bug qd pouco rola uma deface ai quero ve ou pior acontecer o q ja estou prevendo a morte do phpbrasil e a perda de todo conteudo ja depositado aqui bem q os dono do site poderia doar o mesmo para comunidade dar continuidade em ves de simplesmente abandonar como esta eu ajudaria arcar com custo se isto foce necessario ha galera desculpa ai o ero de portuga e q tou cansado tou codando a 27 horas sem para senaum perco a ideia q ta na cabeça :) para uma proxima geração 4.0
16/04/2007 12:17am (~9 anos atrás)

Novo Comentário:

(Você pode usar tags como <b>, <i> ou <code>. URLs serão convertidas para links automaticamente.)